segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Noites vazias e imaginacões..


Era uma noite como qualquer outra, o sentimento de saudade ainda tomava conta do meu ser, eu buscava de alguma forma preencher aquele vazio que cada dia mais tomava conta de mim, olhava para as pessoas que por ali caminhavam e imaginava que uma hora você poderia passar por ali, eu esperava isso, mas não aconteceu, e quando eu achava que poderia ser você era apenas alguém parecido e que minha mente fazia questão de me enganar...

Após contemplar toda a beleza do oceano em suas cores, sons e reflexos, misturado a doses cavalares de whisky, me vi obrigado a ir dormir, sabia que por ali você não passaria, não naquela noite, precisava tentar esquecer essa vontade louca de ter comigo mais uma vez, precisava achar um jeito de fazer essa agonia passar, acho que dormir talvez seria a melhor opção...


Deitei e de repente me peguei imaginando, acordei eram 2hs e não conseguia mais dormir, liguei o radio e tocava uma canção que me fez lembrar de você e de nossos momentos, fechei os olhos e comecei a recordar os momentos que tivemos, desejei do fundo do meu coração para que eu abrisse os olhos e te visse deitada em toda a sua beleza, em todas as suas curvas e formas ao meu lado, apenas com uma camiseta branca,me olhando, me encarando e sorrindo pra mim, não queria mais abrir os olhos pois tudo parecia muito real, senti o seu cheiro e o gosto do seu beijo, eu sabia que era apenas mais um sonho, mais uma alucinação mas não queria abrir meu olhos pra realidade e me deparar com um espaço vazio ao meu lado na cama..


Acabei por pegar no sono e minha imaginação se desligou, quando acordei e percebi que era apenas mais um desejo profundo se manifestando outra vez uma lagrima pareceu brotar do canto dos meus olhos, minha boca ficou seca desejando um beijo teu, meu corpo ficou frio desejando o toque de seus braços, minha pele não se arrepiou da mesma forma que ela fazia quando você me tocava, meu coração não estava disparado e o meu nariz não sentia o seu perfume, a verdade é que..acordei mais uma vez sentindo a sua falta...


____


Anderson Toledo Mendes, Itajaí-SC

Um comentário: